sábado, 7 de agosto de 2010

"Todas as Estrelas do Céu" de Enderson Rafael

.o O o.
Todas as Estrelas do Céu
Enderson Rafael


RAFAEL, Enderson. Todas as estrelas do céu. 1.ed. Rio de Janeiro: Novas Idéias. 2010. 160 p.

SOBRE O AUTOR
Catarinense, publicitário de formação e comissário de bordo de profissão, o que acarretou em milhões de quilômetros voados. Se diz cético e encantado pelas estrelas. "Todas" é seu segundo livro, mas o primeiro romance de sua autoria.

SOBRE O LIVRO
     Desde sempre adoramos livros protagonizados por casais impossíveis, amores proibidos. Romeu e Julieta que o digam. Mas ao contrário deste casal os protagonistas de "Todas" não são de famílias inimigas. O problema é muito maior: eles são irmãos. Leandro, filho mais velho do casal, foi adotado ainda bebê depois de ser abandonado na porta da casa deles. Alguns anos depois nasceu Carol e mais tarde Maria Eduarda.
     O livro já começa com Leandro e Carol apaixonados um pelo outro, mas ainda inconscientes desse fato, acreditando que o que sentiam se devia ao fato de serem irmãos e grandes amigos. Mas aos poucos vão descobrindo essa nova face do sentimento que nutriam um pelo outro. E a confusão ao descobrir que era recíproco.
     E o que fazer quando se é refém de um amor condenado pela sociedade, proibido pela justiça e incompreendido por todos? Alguma coisa pode acabar com um sentimento desses? O autor nos carrega pelos medos, inseguranças e certezas desses dois adolescentes em frente a um amor tão intenso quanto tudo que acontece nessa fase da vida. Um romance que faz o leitor sorrir, chorar, torcer e pensar. Como todos os adolescentes, Carol e Lê são puro sentimento e isso se espelha no leitor. Recomendadíssimo.

FRASES
"Sabe, minha filha: os homens se gabam de mandarem no mundo, só que se esquecem que as mulheres se gabam de mandarem neles..." p.48

"Minha irmã, minha amada, meu anjo: nenhum amor é amaldiçoado, esta é justamente a face mais perfeita do imperfeito ser humano." p.61

"- Cara, este teu sotaque de 'manezinho da Ilha' é muito maneiro...
 - Ah, Leandro, vai tirar sarro da cara de outro, vai! Tu és tão catarina quanto eu, e ilhéu ainda por cima... Pelo menos não fui eu que fui morar no Saco dos Limões quando nasci...
 - Só faltava essa, tirar onda porque era um recém-nascido que morava no Itacorubi... Você é incrível, Luiz..." p.122

3 comentários:

  1. Oi, Gabi! Sou eu de novo! Bom, amei a resenha, muito! Que bom que vc gostou! Se continuarmos nesse ritmo, ano que vem tem mais livro, hein;-) Beijo imenso, é uma honra representar minha ilha querida, arrombasse!

    ResponderExcluir
  2. Awn, que fofo.. Adorei! :D
    Eu comprei o livro no evento de lançamento do projeto Novas Letras. A capa é de babar, o Enderson é um amor de pessoa e eu simplesmente não consigo esperar para ler o livro! *--*

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails